sexta-feira, 6 de agosto de 2010

demolition lovers

"Amantes da Demolição"

Mão na minha, dentro de sua tristeza gelada
E então eu te diria que poderíamos pegar a rodovia
Com esse baú de munição também
Eu terminaria meus dias com você numa geada de balas

Estou tentando, estou tentando
Dizer o quanto você significa pra mim
E depois de todas as coisas pelas quais nós passamos

E eu iria até o fim com você
Um ou dois bares mantém o tanque de combustível cheio
E eu sinto como se não houvesse mais nada a fazer
Exceto eu me provar para você e continuaremos correndo

Mas dessa vez, eu sou sincero
Eu vou dizer o quanto você significa pra mim
Enquanto neve cai no céu do deserto
Até o fim de tudo
Estou tentando, estou tentando
Dizer o quanto você significa
Enquanto os dias vão, e as noites vêm
E nós congelamos

Até o fim, até essa piscina de sangue
Até isso, eu quero dizer isso, eu quero dizer isso,
Até o fim de...

Mas dessa vez, nós mostraremos a eles
Nós mostraremos a eles todos o quanto nós significamos
Enquanto neve cai no céu do deserto
Até o fim de tudo...

Tudo que nós somos, tudo que somos
São balas, eu quero dizer isso.

Enquanto chumbo cai, passará pelos nossos fantasmas
Para sempre, para sempre
Como espantalhos que servem como combustível a essa chama, estamos queimando
Para sempre e sempre
Saiba o quanto quero mostrar a você que é a única
Como uma jazida de rosas, há uma dúzia de razões nessa arma

E enquanto estamos caindo, e nessa piscina de sangue
E enquanto estamos de mãos dadas, e enquanto estamos caindo
E nessa piscina de sangue, e enquanto estamos caindo
Eu verei seus olhos, e nessa piscina de sangue
Eu encontrarei seus olhos, eu quero dizer isso para sempre.

2 comentários:

  1. é lindo o poema...mas da um pouquinh d medo
    bj ^^

    http://kingdom-of-my-heart.blogspot.com

    ResponderExcluir